10 de out. de 2019

Conab amplia número de estados e eleva bônus pelo Programa de Garantia de Preços para Agricultura Familiar

GIRO ECONÔMICO

A boa safra da castanha de caju e mandioca na região nordestina nessa temporada levou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a ampliar o número de estados que vão receber os bônus de descontos utilizados por agricultores e extrativistas no Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF). A lista de produtos e estados selecionados foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta terça-feira (8), com validade de 10 de outubro até 9 de novembro.

Entre as culturas que receberão bônus, a castanha de caju tem porcentagens de desconto para os estados de Pernambuco (40,83%), Maranhão (33,73%), Piauí (30,77%), além de Ceará e Paraíba (28,99%). Já para a mandioca, o percentual segue para o Espírito Santo (46,45%), Ceará (39,25%), Piauí (37,47%), Alagoas (18,06%), Rio Grande do Norte (13,79%), Paraíba (13,75%), Sergipe (2,97%) e Pernambuco (1,26%). Também o Distrito Federal participa da relação, com um percentual de 15,62% para o tomate.

Mas os maiores valores, entre 12 culturas, vão mesmo é para o babaçu do Maranhão e do Tocantins (51,32 e 50,66%), o mel do Piauí (45,28%) e o feijão caupi também do Maranhão (43,04%). O cálculo do percentual é feito mensalmente pela Conab e o parâmetro usado baseia-se nos custos de produção elaborados pela estatal, que constatou que o valor de mercado desses produtos esteve abaixo do preço de garantia nos estados. 

Comércio - A Federação do Comércio informa que no dia 12 de outubro, feriado de Nossa Senhora Aparecida, as lojas do comércio de rua em São Luís poderão abrir das 8 às 14 horas e as lojas localizadas nos shopping centers poderão funcionar das 14 às 20 horas, mediante o pagamento de 100% sobre o valor da hora normal e mais gratificação de R$ 50,00 ao final do dia. Além disso, as empresas devem recolher R$ 5,00 por empregado ao sindicato dos trabalhadores, conforme previsto em convenção de trabalho. 

Corredor - No dia 26 deste mês, São Luís sedia mais uma edição do Encontro do Corredor Centro Norte, voltado para estimular e colaborar para o avanço de ações gerais de incremento da logística. A promoção e realização é da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Corredor Centro Norte (Adecon). O evento é um Fórum de promoção do desenvolvimento do Corredor Centro Norte, o qual tem um papel estratégico no crescimento do Brasil. O evento será realizado no auditório do Sebrae-MA, no Cohafuma. 

Parlamentares pelo Maranhão e outras autoridades participaram quarta-feira 
de um almoço de culinária maranhense no Restaurante Escola do Senac na 
Câmara Federal, onde foram recepcionados pelo diretor do órgão no estado,
José Ahirton Lopes (D)
Veículos - A Anfavea divulgou novas projeções para o fechamento do ano, com expectativa de crescimento na produção, e sobretudo nas vendas ao mercado interno. De acordo com o levantamento, as vendas internas deverão fechar o ano com 2,8 milhões de unidades vendidas, 9,1% sobre 2018. 

Procon - A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou, terça-feira (08), projeto de lei que permite aos Procons atuar de forma mais autônoma para solucionar conflitos entre vendedores e consumidores. Pela proposta, os Procons poderão, além de fixar multas, determinar a troca de produtos defeituosos e ainda a devolução do que houver sido pago pelo cliente em cobrança não autorizada. As medidas corretivas devem ser homologadas por uma comissão composta por no mínimo três membros. 

Social - Até 04 de novembro, o Banco do Nordeste recebe inscrições de projetos de cunho social e das áreas de saúde e esporte, voltados para crianças, adolescentes, adultos e idosos de baixa renda. As iniciativas selecionadas contarão com aporte de recursos não reembolsáveis. Podem participar projetos que se enquadram no âmbito das regras dos fundos da Infância e Adolescência, Direitos do Idoso e de Incentivo ao Esporte, além de programas de Apoio à Atenção Oncológica e de Apoio à Atenção da Saúde de Pessoa com Deficiência.

Nenhum comentário: