25 de out. de 2019

Operadora de telefonia e de TV por assinatura Oi adere ao Serasa Limpa Nome para recuperar créditos

Resultado de imagem para serasa
GIRO ECONÔMICO

O Serasa Limpa Nome, serviço do Serasa Consumidor que possibilita a negociação de dívidas atrasadas e negativadas, acaba de anunciar a chegada de mais um grande parceiro: a empresa de telefonia OI. A plataforma Serasa Limpa Nome conta com o apoio de 30 empresas parceiras, como Santander, Credsystem, Itaú, Sky, Recovery, Tricard, Net, Claro, Ipanema, Porto Seguro e Ativos. A expectativa é ampliar ainda mais esse número ainda em 2019 e tirar cada vez mais brasileiros do estado de inadimplência. “Queremos elevar a quantidade de consumidores que poderão quitar seus débitos e limpar os seus nomes de forma simples e prática totalmente online, com a segurança que a Serasa oferece”, explica Lucas Lopes, gerente do Serasa Limpa Nome.

Os números apresentados pelo Serasa Limpa Nome mostram sua bem-sucedida trajetória em tirar consumidores de situação de inadimplência e devolver crédito justo para quem busca realizar seus sonhos novamente. Com pouco mais de um ano de seu relançamento, a plataforma já soma quase 8 bilhões de descontos concedidos, com todos os acordos feitos de forma segura e totalmente digital.

Como consultar e negociar:
  1. Basta acessar o site do Serasa Limpa Nome e efetuar seu cadastro ou login.
  2. Caso possuir dívidas, clique em “Ver oferta” e em seguida conferir a proposta de acordo.
  3. Após concluir o acordo, a plataforma disponibilizará o código de barras que poderá ser impresso e pago em casas lotéricas, bancos ou em aplicativos bancários. 
Doação de alimentos - Esta semana, 11 toneladas de alimentos serão doadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a comunidades indígenas do Maranhão, como parte da Companhia Nacional de Abastecimento por meio de acordo firmado com o Ministério da Cidadania e por demanda apresentada pela Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), do Ministério da Saúde (MS). Nesta etapa serão entregues 500 cestas. Cada unidade é composta por farinha de mandioca, açúcar, arroz, feijão, floco de milho, leite em pó, óleo e macarrão. As famílias são dos municípios de Barra do Corda, Grajaú, Montes Altos e Bom Jesus das Selvas. 

BR Litorânea - Apesar da previsão de que todo o sistema do BRT Litorânea esteja concluído no primeiro semestre de 2021, a Agência de Mobilidade Urbana (MOB) ainda não tem definidos os pontos exatos para construção dos dois terminais de integração, no Araçagi, em Paço do Lumiar, e no Retorno da Polícia Militar, em São Luís, porque ainda não conseguiu fechar negócio com proprietários. E por falar em integração do BRT, essas estações serão de pouca serventia para quem pretende gozar dos benefícios do sistema integrado do transporte coletivo, pois quem fizer o trajeto de ônibus até um desses terminais e embarcar no BRT pagará nova passagem.

O superintendente do Sesi, Diogo Lima, a gerente da 
escola Anna Adelaide, Regina Sodré e a equipe do One Pré-Vestibular 
com os alunos no aulão de revisão para o Enem
Lucro da Ambev - Nos três primeiros trimestres de 2019, a receita líquida consolidada da Ambev foi de R$ 36,7 bilhões, um crescimento de 8,5% em comparação com o mesmo período do ano anterior. O lucro líquido totalizou R$ 7,9 bilhões, alta de 1,0%, enquanto o volume de vendas aumentou 2,5%. A receita por hectolitro subiu 5,8% e o EBITDA somou R$ 14,2 bilhões, 2,9% acima do que foi visto no ano passado.

Aulões do Enem - Mais de 50 alunos da 3ª série do Ensino Médio da Escola Sesi Anna Adelaide Bello em São Luís, iniciaram terça-feira (03) uma revisão de quatro aulões para o ENEM/2019 que ocorre nos dias 3 e 10 de novembro. Os aulões contam com a parceria do One Pré-vestibular, que utilizam a metodologia Tigres da Natureza, abordados questões do Enem das disciplinas de química, física e biologia no Auditório Cássio Reis, na Casa da Indústria. O superintendente regional do Sesi, Diogo Lima, juntamente com a gerente da escola Anna Adelaide Bello, Regina Sodré, fez a abertura das aulas destacando a referência do Sesi em todo o Brasil na área educacional.

Censo agropecuário - O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgará, nesta sexta-feira (25), os resultados definitivos do Censo Agropecuário, Florestal e Aquícola 2017. Durante o evento, serão repassadas informações sobre questões agrárias, tais como agricultura familiar, quantidade e área de estabelecimentos agropecuários, produção da agroindústria rural, além de dados sobre a aquicultura. O Censo Agro é a principal e mais completa investigação estatística e territorial sobre a produção agropecuária do país. A coleta de dados foi executada de outubro de 2017 a fevereiro de 2018.

Nenhum comentário: