18 de dez. de 2019

Candidatos do concurso realizado pelo Tribunal de Justiça podem recorrer do resultar preliminar até esta quarta

Foi publicado, segunda-feira (16), Diário da Justiça Eletrônico e no site da Fundação Carlos Chagas, edital com retificação do resultado preliminar da Prova Discursiva-Estudo de Caso do cargo de Analista Judiciário – Psicólogo e reabriu, para até esta quarta-feira (18), prazo para interposição de recursos quanto ao Resultado.

O edital torna sem efeito o item 1.6 e o item 3.5 do Anexo Único do EDT-GP-122019, Edital de Resultado Preliminar das Provas Objetivas e Discursivas (Estudo de Caso e Redação), publicado no Diário da Justiça Eletrônico do Estado do Maranhão em 18 de novembro de 2019, referente à Prova Discursiva-Estudo de Caso do cargo F06 – Analista Judiciário – Psicólogo. O motivo é o erro material no item a1 do Critério de Correção e os recursos interpostos nos dias 19 e 20 de novembro de 2019, quanto ao Resultado e à Vista da Prova, exclusivamente, da Prova Discursiva – Estudo de Caso, item a1 do Critério de Correção do cargo F06 – Analista Judiciário – Psicólogo.

A vista da Prova Discursiva-Estudo de Caso – item a1 do Critério de Correção ficará disponível no endereço eletrônico (www .concursosfcc.com.br) durante o período recursal nos dias 17 e 18 de dezembro de 2019.

Nenhum comentário: