22 de dez. de 2019

Sindicato dos Produtores Rurais de Imperatriz protesta contra taxação de produtos agrícolas pelo Estado

O Sindicato dos Produtores Rurais de Imperatriz (Sinrural) é, por enquanto, voz isolado nos protestos de agropecuaristas maranhenses contra a decisão do Governo do Estado de taxar em 3% os preços de soja, milho, milheto e sorgo, conforme Lei Lei 11.184, sancionada pelo governador Flávio Dino e publicada na edição do dia 11 deste mês do Diário Oficial do Estado para vigorar a partir de 1º de janeiro de 2020. O sindicato promete mobilizar outros órgãos de representar do setor produtivo, mas a luta será em vão, pois já está vigorando.

Leia mais: Taxação de milho e soja no Maranhão pode fortalecer agricultura e portos de outros estados.

A medida surpreendeu depois que o setor rural foi apontado como o setor que mais contribuiu para elevação do PIB estadual, segundo o IBGE.


O Sindicato Rural de Imperatriz vem informar aos produtores rurais que tem plena ciência da gravidade do problema da taxação de produtos como soja e milho, recentemente imposta à classe produtora rural pelo Governo Estadual. 

Anota que já tomou a iniciativa de procurar outras entidades de classes da nossa região tais como Aprosoja de Balsas, a Associação comercial de Imperatriz, outros Sindicatos Rurais da Região e grandes produtores de grãos, para juntos levarmos até a pessoa do Governador o registro da nossa insatisfação e preocupação com mais este ônus. 

Para tanto, já foi por nós requerido uma data para uma audiência junto ao Governador, e tão logo seja marcada e designada uma reunião com esta finalidade, estaremos repassando a informação aos amigos para montarmos uma comitiva representativa em defesa de nossos interesses se fazendo presente na audiência a ser marcada. 

Sigamos unidos.

3 comentários:

Adilson Viana disse...

Mas é claro que quem ganha mais deve pagar mais, Ou vc é a favor dos pobres pagarem mais?
O título devia ser no Maranhão lei na gestão do flavio Dino, paga mais imposto que ganha mais.

Workmam Jardel Pires disse...

O amigo produz alguma coisa no Maranhão?

Ou é daqueles comunistas que fica com a boca nas tetas do governo, babando para ser lembrado emanar sempre?

Unknown disse...

Será que esse governo não tem noção...ou simplesmente quer afastar os produtores do campo??