12 de jan. de 2020

DIREITO DO CONSUMIDOR


Supermercado confunde consumidor colocando 
preços diferentes para o mesmo produto

Há muito os supermercados estão desobrigados de fixar preços das mercadorias no próprio produto, pois basta a informação na prateleira na respectiva seção em que se encontra e a leitura do código de barra, mas quem frequenta esse tipo de comércio sabe que não é fácil saber quanto vale realmente o item consumido, tamanhas as armadilhas montadas para confundir o consumidor, e até um acordo entre as empresas supermercadistas e o Procon já foi firmado prevendo punição para quem deixar de informar claramente o seu cliente.

Na loja dos Supermercados Mateus, no bairro do Anil, é difícil saber por quanto esta marca de leite de soja está sendo vendida. Na parte de baixo, percebe-se que há uma diferença entre os produtos, pois um é Zero Açúcar e o outro não, mas as embalagens são tão parecidas que é fácil induzir ao erro.

Já na parte de cima, a situação é mais complicada, pois o leite sem açúcar está com o mesmo preço do indicado abaixo para a outra embalagem, e novamente a empresa juntou as duas versões de produtos só para confundir, mas poderia facilmente separar, bastando colocar cada versão numa linha da prateleira.

Alguém do Procon pode ajudar o consumidor obrigando a empresa a informar melhor sua clientela?

Nenhum comentário: