4 de jan. de 2020

Luciano Huck quer ser alternativa da esquerda para a disputa contra Jair Bolsonaro na eleição de 2022

O investimento do apresentador de TV Luciano Huck para ter o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), como seu vice, é apenas uma das estratégias para se viabilizar como alternativa da esquerda em 2022 e assim derrotar o presidente Jair Bolsonaro.
Para isto, segundo o Diário do Centro do Mundo, já mirou o Nordeste, maior reduto eleitoral do ex-presidente Lula, a fim de ampliar o leque de apoios de políticos de centro e esquerda.
Leia mais sobre o assunto em Maranhão Hoje. 
Da região, além de Dino, o virtual candidato a sucessor de Bolsonaro já se aproximou dos governadores Camilo Santana (PT-CE) e Paulo Câmara (PSB-PE), considerados “moderados”. Outras lideranças de esquerda já foram sondadas também e pela repercussão, Huck tem se saído melhor do que aqueles se julgavam herdeiros do ex-presidente presidente Lula.
Esquerda, volver!

Nenhum comentário: