9 de fev. de 2020

Banco do Nordeste anuncia que decidiu suspender cobrança de juros sobre capital de giro dos seus clientes

GIRO ECONÔMICO

O Banco do Nordeste acaba anunciou a redução das taxas de juros nos produtos de crédito comercial, com foco na disponibilização de recursos ainda mais atrativos para empresas de todos os portes de sua área de atuação. A iniciativa acompanha o movimento de redução de taxa de juros básica, a Selic, realizado pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) esta semana. 

Leia mais
Banco do Nordeste anuncia a redução de juros para o capital de giro das empresas


Dentre os produtos alcançados pela redução dos encargos financeiros destacam-se a Conta Empresarial e a Conta Empresarial MPE, produto de crédito semelhante a um cheque especial cujas taxas iniciam-se em 2,86% ao mês, atrativas quando comparadas com as taxas praticadas no mercado. O Giro Especial, produto destinado a financiar o capital de giro de empresas de forma customizada a seus fluxos de caixa, com prazo totais de até 48 meses, tem novas taxas iniciando-se em 0,56% ao mês.

Outro destaque, com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), é a linha FNE Giro, que aportará recursos com taxa de apenas 0,37% ao mês, possibilitando, assim, a elevação dos fluxos de caixas dos empreendimentos e renovação de estoques para os primeiros meses do ano.

Custo da Construção - O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi) teve variação de 0,30% em janeiro de 2020, ficando 0,08 ponto percentual acima da taxa de dezembro de 2019 (0,22%) e 0,12 p.p abaixo de janeiro de 2019 (0,42%). Nos últimos doze meses, houve aumento de 3,91%, resultado pouco abaixo dos 4,03% registrados nos doze meses imediatamente anteriores. De acordo com o levantamento, o metro quadro fechou o ano de 2019 em R$ 1.158,81, passou em janeiro para R$ 1.162,24, e no Maranhão foi a R$ 1.121,31.

Leia mais:
Maranhão começa 2020 com custo da construção mais elevado da região Nordeste, segundo o IBGE


Proximidade dos políticos - No seu discurso na solenidade de posse da nova diretoria da Associação Comercial do Maranhão, quarta-feira (05), o vice-governador Carlos Brandão disse que empresariado e governo não podem ser adversários, mas irmanados até porque o trabalho de um impacto no outro, ou seja, se as empresas aumentam produção, o estado aumenta sua arrecadação; se o governo investe em educação, infraestrutura e segurança, as empresas encontram mais oportunidades para ampliar os seus negócios.

Leia mais:

Na solenidade de posse da nova diretoria da Associação
Comercial do Maranhão, o vice-governador Carlos Brandão
com o presidente Cristiano Fernandes e o ex-presidente
Luiz Carlos Cantanhede Fernandes, pai do empossado
Candidato no Paço - O empresário Francisco Neto, dono dos restaurantes Feijão de Corda e Folha de Vinagreira, está mesmo determinado a entrar na política, e fará este ano o primeiro teste nas urnas em Paço do Lumiar, onde disputará o cargo de prefeito.

Preço da gasolina - Levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) sobre preços de combustíveis praticados no Maranhão, concluído neste sábado (08) indica que o lugar onde o consumidor pode encontrar o combustível mais caro no estado é na cidade de Balsas, onde cobra-se até R$ 4,99, e o mais barato, R$ 4,39, em São Luís, mas para efeito de cobrança do ICMS o cálculo é feito sobre R$ 5,70, que seria, segundo a Secretaria de Fazenda, o preço médio entre o máximo e o mínimo.

Carnaval do Sesi - O Serviço Social da Indústria do Estado do Maranhão (Sesi), órgão vinculado ao Sistema Federação das Indústrias (Fiema) acaba de divulgar sua programação carnavalesca para este ano, com shows, blocos carnavalescos, torneio esportivo e até um bailinho infantil para os filhos dos industriários. A festa momesca da entidade reunirá industriários e comunidade em geral nas cidades de Bacabal, dia 14; Caxias, dia 16; e São Luís, dia 22, na Unidade de Promoção da Saúde Sesi Araçagi.

Nenhum comentário: