1 de abr. de 2020

Alunos e professores do Senai produzem máscaras para profissionais de saúde que combatem o coronaviírus

GIRO ECONÔMICO

Instrutores e técnicos dos Centros de Educação Profissional e Tecnológica do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), em São Luís e Rosário, estão trabalhando voluntariamente na produção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), principalmente máscaras para serem doados aos profissionais de saúde que estão na linha de frente de combate ao coronavírus. 

A fabricação das máscaras no Maranhão já totaliza 112 unidades encaminhadas para a Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secit) para atendimento a todos os protocolos de esterilização, antes da distribuição à Secretaria de Estado da Saúde. De acordo com os instrutores, o uso de impressora 3D leva cerca de 1 hora para produzir uma tiara para fixação e com mais trinta minutos, o conjunto da máscara está montado.

A iniciativa tem a participação da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia (Secti), Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Instituto Federal de Ensino Tecnológico (IFMA) e Instituto de Ensino Tecnológico do Maranhão (IEMA), além de profissionais autônomos.

Dinheiro para Santa Casa - A transferência de R$ 2 bilhões da União para santas casas e hospitais sem fins lucrativos (filantrópicos) foi aprovada pelo Senado, terça-feira (31), recursos destinados a uma ação emergencial e coordenada no combate à pandemia do coronavírus. Por meio desse auxílio financeiro, hospitais filantrópicos poderão trabalhar de forma articulada com o Ministério da Saúde e os gestores estaduais e municipais do Sistema Único de Saúde (SUS) para oferecer mais serviços, principalmente leitos de terapia intensiva.

Contenção de despesa - A Assembleia Legislativa adotou medidas de contenção de gastos durante o período de suspensão das atividades na Casa, em razão do momento econômico causado pela pandemia do novo coronavírus. Com a economia, o Legislativo pretende colaborar com recursos para o combate à doença no estado. Ficam suspensas, por 60 dias, agenciamento de viagens, emissão, reserva, remarcação e cancelamento de passagens e serviços de buffet e de hotelaria, assim como de alimentação a convidados oficiais.

Mesmo com a suspensão das atividades presenciais do Senac, José
Ahirton Lopes mantém o órgão em funcionamento com a realização
de cursos à distância que têm sido muito demandados neste período
de isolamento social. No registro com o presidente da Federação
do Comércio, José Arteiro (D)
Venda de cerja - A Cervejaria Ambev pega carona na abertura dos estabelecimentos comerciais que estão no segmento considerado essencial para manter em funcionamento suas tentas em estacionamentos de supermercados para venda exclusiva de bebida alcoólica. Quem pode, pode.

Empregos na Saúde - Um levantamento feito a partir de dados oficiais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostra que a maioria das carreiras que estão mobilizadas no combate à disseminação do novo coronavírus e no atendimento a enfermos, vítimas da pandemia, sofreu queda real nos vencimentos em 2019. Salários de profissionais contratados ano passado como enfermeiros, biólogos, biomédicos, biotecnologistas, químicos e farmacêuticos perderam poder aquisitivo face a reajuste abaixo da inflação. 

Safra de milho - As precipitações de chuvas ocorridas em março favoreceram o desenvolvimento do milho segunda safra em praticamente todo o país, segundo Boletim de Monitoramento Agrícola disponibilizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O estudo aponta que a falta de chuvas em Santa Catarina (oeste) e no Rio Grande do Sul consolidaram a quebra de produtividade do milho primeira safra e da soja nesses estados. Já as anomalias foram observadas em Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais e Paraná.

Nenhum comentário: