13 de abr. de 2020

Clientes e feirantes de mercados populares expostos a riscos de contaminação do covid-19 e o governo nem aí

O Governo do Estado promete, a partir desta segunda-feira (13), intensificar a fiscalização nos bairros de São Luís e das demais cidades da Ilha - Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar - para fazer valer o novo decreto do governador Flávio Dino (PCdoB) sobre mais restrições das atividades comerciais a fim de diminuir os riscos de proliferação do coronavírus.

Nos estabelecimentos considerados essenciais, a preocupação é com o cumprimento de normas de distanciamentos, disponibilização de água, sabão e álcool em gel para uso tanto dos funcionários quanto dos clientes.

Esta preocupação de higiene, infelizmente, só vale para supermercados, grandes panificadoras, boutiques de carnes, lojas de conveniência etc, pois nas feiras populares, clientes e feirantes que se cuidem, pois o poder público não está nem aí para que o possa lhes acontecer.

Leia mais:
Flávio Dino pode suspender em 100% atividades econômicas se casos de coronavírus aumentarem

Nenhum comentário: