16 de abr. de 2020

Em apenas uma semana, cerca de 280 mil candidatos se inscrevem no Programa Jovem Aprendiz dos Correios

Já pensou em trabalhar nos Correios? 4 vagas abertas para Jovem ...
GIRO DE QUINTA 

Desde 2011, dezenas de milhares de jovens com idade entre 14 a 22 anos tiveram a oportunidade de ter sua primeira experiência profissional na maior empresa pública do país, Correios, vivência prática aliada a arcabouço teórico na forma de capacitação oferecida em parceria com o Serviço Nacional da Indústria (Senai) nas áreas de administração e logística. 

Na qualidade de serviços considerados essenciais, implementamos as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), a estatal continua trabalhando para mitigar ao máximo os impactos socioeconômicos do cenário atual, por isto o jovem aprendiz terá a oportunidade de contribuir com essa importante missão em um momento tão marcante para o país. A despeito das dificuldades impostas pela pandemia do coronavírus, o Programa Jovem Aprendiz dos Correios é fundamental para a empresa e para os brasileiros.

Os jovens selecionados terão uma jornada semanal de 20 horas, receberão o salário mínimo-hora no valor de R$ 490,83, além de vale-transporte, vale-refeição ou alimentação e uniforme. As inscrições podem ser feitas até 30 de abril. Mais detalhes podem ser encontrados no site dos Correios

Agrícola agrícolas - A lista com os bônus do Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF) elegeu nove produtos com direito ao valor de desconto nas operações e parcelas de crédito rural. Entraram na lista, maracujá, de Minas Gerais e Ceará; mandioca, de Pernambuco, Pará e Alagoas; cebola, do Rio Grande do Sul; mel de abelha do Paraná e Rio Grande do Norte; pimenta do reino da Bahia; castanha de caju. do Piauí; banana, de Alagoas; feijão caupi, do Pará, Tocanrtins e Maranhão; a manga, da Bahia. 

Fecomércio alerta empresários - A Federação do Comércio está orientando as empresas que vão fazer acordos individuais com seus empregados para redução de jornada de trabalho ou suspensão dos contratos, para encaminharem os documentos ao respectivo Sindicato Laboral. Na Ilha, são dois: o Sindicato dos Empregados no Comércio de São Luís e o Sindicato dos Empregados no Comércio de São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. Os municípios que não possuem sindicato laboral devem comunicar à Fecomércio.

O governador Flávio Dino e o seu vice, Carlos Brandão (D), com o
presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto, unindo
esforços para enfrentar a pandemia do coronavírus
Sal e Brasa - Considerada a churrascaria mais badalada da cidade, a Sal e Brasa se rendeu à crise e passou a comercializar quentinhas ao preço de R$ 12,90, praticamente o mesmo preço de uma churrasquinho que se encontra nas esquinas de diversas bairro da periferia.

Debate sobre construção - Atendendo pleito do Sindicato da Construção Civil (Sinduscon), a Federação das Indístrias (Fiema) realizou nesta terça-feira (14) videoconferência com a superintendente regional da Caixa Econômica, Sílvia Pelloso, que apresentou as medidas já anunciadas pelo banco para ajudar a combater o efeito do novo coronavírus, tanto para pessoa física, quanto para pessoa jurídica, incluído as micro e pequenas empresas. Para a Fiema, a reunião foi muito positiva e esclarecedora para as ações futuras.

Recuperação de Crédito - O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista – registrou queda de 2,9% em março contra fevereiro, já descontados os efeitos sazonais. No acumulado em 12 meses (abril de 2019 a março de 2020), o indicador recuou 1,2%. Em relação ao mesmo mês do ano passado, houve alta de 2,7%, enquanto no acumulado de janeiro a março do ano corrente a variação foi de 0,1%. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (15).

Nenhum comentário: