19 de abr. de 2020

Mais de 17 mil objetos digitais são disponibilizados na plataforma digital do Sesi para estudantes e educadores


GIRO ECONÔMICO 

O Serviço Social da Indústria (SESI) está colocando em sua plataforma educativa on-line (https://sesieducacao.com.br/brasil/home.php) mais de 17 mil objetos digitais de aprendizagem para que estudantes, educadores, pais e a população em geral possam aproveitar o período de isolamento social para aprimorar seus conhecimentos de forma divertida, com jogos, vídeos, infográficos e desafios. 

Os conteúdos são gratuitos e voltados a estudantes da Educação Básica, do infantil ao ensino médio, e envolvem áreas de aprendizado como matemática, ciências, geografia, português e história. “São atividades que prometem distração com aprendizado neste período de reclusão social”, explica o gerente-executivo de educação do Sesi, Sérgio Gotti.

“São objetos educacionais digitais que propiciam situações de aprendizagem mais interativas e lúdicas para serem realizadas em casa, no computador ou smartphone”, explica Gotti. 

Supermercados limitados - Embora já estejam adotando desde sexta-feira passada (16) as novas regras impostas pelo Governo do Estado para supermercados, somente a partir deste domingo (19) as empresas do setor estarão obrigadas a funcionar com estacionamento reduzido à metade, permissão de entrada somente de pessoas desacompanhadas, uso obrigatório de máscaras pelos clientes e outras restrições impostas pelo poder público como meio de evitar a ampliação da proliferação do covid-19.

Contas atrasadas - O Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) manifesta preocupação com o ritmo lento de entrega das prestações de contas relativas a 2019 pelos gestores públicos. O comparecimento permanece abaixo da média dos anos anteriores, mesmo sendo feita somente por meio eletrônico. Até quinta-feira (16), apenas 76 prefeitos e 106 presidentes de câmaras concluíram sua entrega Na esfera estadual a situação é ainda mais grave, visto que apenas duas unidades gestoras prestaram contas. 

O empresário Carlos Gaspar se desfez da última concessão de veículos,
a da marca Chery, que foi negociada com a Saga
Turismo nos municípios - Com o intuito de minimizar os impactos negativos da Covid-19 ao turismo brasileiro, a Confederação Nacional dos Municípios deu início a uma ação para incentivar prefeitos, iniciativa privada e entidades não governamentais a impulsionar o setor após a pandemia. Com a campanha Municípios Juntos pelo Turismo, pretende construir um plano estratégico para a retomada de viagens dentro do Brasil. 

Senac na Baixada - A gerente do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em Pinheiro, Keyla Castro, realizou em março visitas a municípios da baixada maranhense, no intuito de divulgar a unidade de ensino profissionalizante que será inaugurada na cidade de Pinheiro. Foram ao todo 20 visitas a empresas, dentre elas Magazine Luíza e Armazém Paraíba, que possuem alunos do Programa de Aprendizagem do Senac por meio da Rede EAD. A inauguração deve ocorrer no segundo semestre. 

Reforma trabalhista - O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), adiou a votação da Medida Provisória do Contrato Verde e Amarelo, que estava prevista para sexta-feira (17), depois de ouvir o apelo da maioria dos líderes, mas ele garante que tentará um entendimento neste fim de semana, a fim de ser pautada para segunda-feira (20), último dia de validade do texto. O senador Roberto Rocha (PSDB-MA) garante que será votada e defende o projeto, por entender que facilitará geração de empregos.

Nenhum comentário: