8 de abr. de 2020

Presidente diz que isolamento social é uma exclusividade de governadores e prefeitos e resultados também serão

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, faz pronunciamento  em Rede Nacional de Rádio e Televisão.
No pronunciamento feito nesta quarta-feira (08), em cadeia de rádio e televisão, o presidente Jair Bolsonaro disse que os isolamentos sociais como estratégia de combate aos covid-19 são exclusividade dos governadores e prefeitos aos quais caberá os resultados. "Respeito a autonomia dos governadores e prefeitos. 

"Muitas medidas, de forma restritiva ou não, são de responsabilidade exclusiva dos mesmos", completou. O presidente voltou a destacar que a grande maioria dos brasileiros, "com certeza", quer voltar a trabalhar. "Esta sempre foi minha orientação a todos os ministros, observadas as normas do Ministério da Saúde”, destacou. 

Leia mais
Bolsonaro anuncia que Brasil vai receber matéria-prima da Índia para produzir a hidroxicloroquina


Citando o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, Bolsonaro disse que as soluções para a pandemia variam de país para país e ressaltou que os mais pobres precisam trabalhar para garantir a alimentação.

“Os mais humildes não podem deixar de se locomover para buscar o seu pão de cada dia. As consequências do tratamento não podem ser mais danosas que a própria doença. O desemprego também leva à pobreza, à fome, à miséria, enfim, à própria morte”, acrescentou.

Nenhum comentário: