14 de mai. de 2020

Clientes do BNB podem solicitar financiamento sem sair de casas, bastando acessar o portal da instituição

GIRO ECONÔMICO

O cliente Banco do Nordeste conta a partir de agora com a Plataforma de Crédito Especializado (PCE) no portal Internet www.bnb.gov.br. A ferramenta possibilita que o cliente faça sua solicitação de crédito sem sair de casa. Além disso, ele pode enviar online a documentação necessária para análise dos projetos, agilizando a concessão do financiamento no BNB com celeridade e segurança.

No portal do Banco, o cliente registra a solicitação de crédito, que acionará a Agência escolhida para realização da entrevista, presencial ou por telefone. Ao concluir essa fase, o cliente recebe a notificação por e-mail com a relação de documentos customizada para análise do pleito. Uma vez providenciados os documentos, o cliente os envia ao Banco. A entrega pode ser diretamente na Agência ou por meio de upload no portal do Banco do Nordeste, conforme orientação previamente enviada por e-mail.

Segundo o presidente do BNB, Romildo Carneiro Rolim, “no momento de emergência de saúde pública provocada pela epidemia, com impactos na economia, a modernização e agilização do crédito voltado para investimentos representa avanço importante tanto para a empresa como para empreendedores.

Produção agrícola - A estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a safra agrícola 2020/21, divulgada nesta terça-feira (12), indica que haverá um aumento de 9,6% na colheita de grãos no Maranhão. Serão 5,431 milhões de toneladas contra 4,956 milhões da safra anterior. De acordo com o levantamento, a área plantada aumentou 2.3%, saindo de 1,572 milhão para 1,608 milhão de hectares, enquanto na produtividade o aumento será de 7,1%, ou seja, em vez de 3.152 quilos por hectare, 3.376.

Capacitação profissional - Ao que tudo indica, os cursos profissionalizantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) dificilmente voltarão a ser realizados presencialmente este mês, pois o Governo do Estado deve manter os alunos afastados de sala de aula até junho. Para compensar, o órgão mantém diversos cursos à distância, em diversas áreas, principalmente de gestão. A expectativa do órgão é que no segundo semestre entre em funcionamento a unidade de ensino profissionalizante na cidade de Pinheiro.

Integrante do Grupo Voluntárias Maranhão Covid-19 orienta
a melhor maneira de se proteger contra o coronavírus
Cessão de leitos - O Hospital São Domingos diz estar operando no limite, mas ainda assim vai atender o decreto do governador Flávio Dino, que requisitou leitos da rede privada para atender pacientes do covid-19 pelo SUS.

Serviços em alta - No Maranhão, em março/2020, na comparação com fevereiro/2020, com ajuste sazonal, o índice de volume de serviços conseguiu ainda alcançar uma taxa positiva: + 1,1%. Além do Maranhão, as únicas UFs que tiveram taxa positiva foram Rondônia, +3,1%, e Amazonas, +1,9%. Esse aumento nessa base de comparação, mês atual com mês imediatamente anterior, compensou o recuo de 0,3% no mês de fevereiro e a estagnação do mês de janeiro, 0,0%. Nesse tipo de índice, o Maranhão, tendo como foco de análise os últimos 24 meses, vem alternando altas e baixas, num movimento de onda stop ando go. As UFs que apresentaram maiores quedas foram DF (-10,9%), RS (-11,0), MT (-12,7%) e RN (-18,6%).

Diversificação do varejo - Em plena crise provocada pela pandemia de coronavírus, o que obrigou Estado e Município a baixarem normas rígidas para controle do setor produtivo a fim de diminuir circulação de pessoas e assim frear a proliferação do covid-19, o setor de atacado e varejo de alimentos ganhou dois fortes concorrentes em São Luís. No bairro do Angelim, foi inaugurada uma filial do atacarejo Mineirão e a primeira loja do Assaí, que planeja ainda para este mais duas lojas, uma em São Luís e outra em Imperatriz.

Nenhum comentário: