10 de mai. de 2020

Rodízio rigoroso: nem em caso de extrema necessidade é permitido uso de automóvel com placa não prevista para o dia

O rodízio de veículos na Ilha de São Luís - mais uma estratégia do Governo do Estado para conter a proliferação do covid-19, que já matou cerca de 400 pessoas no Maranhão - tem regras tao rigorosas que não levam em conta nem mesmo extrema necessidade para uso de carros particulares com placas de terminal não recomendado para o dia.

Leia mais
Rodízio de veículos nos quatro municípios da Ilha de São Luís começa a partir desta segunda-feira

Até este fim de semana, quem justicasse necessidade de ir a supermercados, farmácias, consultório médico e hospital, poderia utilizar seu automóvel, mas com o rodízio, ainda que a pessoa tenha uma dessas carências só poderá sair de carro se a sua placa for daquele dia, caso contrário, ainda que seja socorro médico emergencial, terá de usar taxi ou carro de aplicativo.

Nenhum comentário: