3 de jul. de 2020

Maranhão é o campeão nacional em número de servidores públicos recebendo auxílio emergencial e o prejuízo aos cofres da União passa de R$ 60 milhões

Ao vivo: Caixa fala sobre operação de pagamento do auxílio ...Levantamento do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) e da Controladoria-Geral da União (CGU) aponta que no Maranhão, dentre os beneficiados com o auxílio emergencial de R$ 600,00, pago pelo Governo Federal para amenizar os impactos econômicos causados aos cidadãos de baixa renda com a pandemia do coronavírus (Covid-19), há 84 mil servidores públicos que estariam causando um prejuízo superior a R$ 60 milhões aos cofres públicos. Os números indicam que o Maranhão é o estado com maior quantidade de servidores públicos que receberam o auxílio de forma irregular.

Os dados foram levantados a partir de análise das informações constantes das folhas de pagamento do estado e dos municípios, sistematizados em banco de dados pelos auditores da instituição e posteriormente enviados à CGU, uma vez que o auxílio é custeado com recursos do Governo Federal.

A equipe de auditores que integra a Secretaria de Fiscalização acompanha as ações realizadas pelos gestores públicos durante a pandemia para assegurar o cumprimento das normas que balizam a correta aplicação dos recursos públicos, como forma de permitir que a população receba a assistência necessária para enfrentar os feitos danosos causados pela crise sanitária.

Um comentário:

Unknown disse...

Ineficiência do sistema, ineficiência dos gestores responsáveis e mais uma exemplo da corrupcso do brasileiro.
O Brasil tem jeito?