7 de ago. de 2020

Conab realiza pesquisa sobre babaçu em municípios maranhenses a fim de calcular o preço da produção

GIRO ECONÔMICO

Durante todo o mês de agosto, técnicos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizam pesquisa em municípios maranhenses e coletam dados para o cálculo do custo de produção da amêndoa de babaçu no estado. Em razão da pandemia de COVID-19, o trabalho é realizado de forma remota, por meio de contato telefônico com técnicos do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB), além de secretarias de Agricultura e Sindicatos dos Trabalhadores Rurais (STTR) dos municípios de Codó, Pedreiras, Vargem Grande, Imperatriz e Zé Doca.

Dentre os itens analisados pelos técnicos da Conab, destacam-se: transporte, combustível, eletricidade, mão-de-obra, ferramentas e sacaria. As informações levantadas servirão para subsidiar a elaboração dos preços utilizados pelo governo federal na execução de programas e políticas de apoio ao produtor.

No caso do babaçu, os dados serão aplicados na Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio), que garante a subvenção dos produtos extrativos quando eles são vendidos abaixo do preço mínimo estabelecido.

Cursos gratuitos - Para quem se interessa pela área de artes gráficas e tem entre 14 e 18 anos, o Serviço Social do Comércio (Sesc), órgão vinculado ao Sistema Federação do Comércio (Fecomércio), está oferecendo cursos profissionalizantes gratuitos na área. A iniciativa faz parte do projeto Adolescente Cidadão e está com inscrições estão abertas até o dia 13 de agosto. Podem concorrer jovens com renda familiar de até três salários mínimos e que sejam estudantes da rede pública. Os cursos são on-line e ofertam um total de 50 vagas. Mais informações no www.sescma.com.br

Certificação de saúde - A Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de São Luís está colocando à disposição dos profissionais de Saúde - médicos, odontólogos, enfermeiros, farmacêuticos, biomédicos etc - o e-Médico, certificado digital específico para utilização na operacionalização de dados de pacientes ou relacionados a procedimentos nesses estabelecimentos. O e-Médico é emitido para profissionais devidamente registrados junto ao conselho de sua classe, e a certificação só pode ser feita presencialmente. “O mercado em geral está disponibilizando certificados com quantidades limitadas de acesso, mas no caso da nossa certificação, que é do SPC Brasil, o valor é referente a três anos de utilização, o que atende melhor à classe, pois a telemedicina está em constante expansão”, explica o gerente comercial da entidade, Marinílson Cutrim.

Na próxima quarta-feira (12), a Comissão Mista da Reforma Tributária, que é presidida pelo senador Roberto Rocha (foto), vai receber o presidente do Comitê Nacional de Secretários  Estaduais de Fazenda (Comsefaz), Rafael Fontele, para ouvir sugestões sobre esse delicado tema.


Bolsas para negras - Em parceria com a Universidade Positivo, vai selecionar três mulheres negras para bolsas integrais no MBA em Gestão de Negócios de Impacto Social. A formação será dada na modalidade EAD. Interessadas podem se inscrever até o dia 16 de agosto no site do Instituto Legado. A ação teve como ponto de partida o Dia da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha, celebrado no dia 25 de julho e é parte do compromisso público assumido pelo Instituto Legado para ampliar a diversidade em todas as atividades da instituição. A data também marca o início de outras iniciativas que a organização promete adotar para o favorecimento da população negra, as mulheres e a comunidade LGBTQIA+.

Leia mais

Porto da Vale - A Vale está em negociações com o Terminal Portuário de Alcântara, na cidade de mesmo nome no Maranhão, para aumentar os embarques de minério de ferro para a China. O movimento é adotado em meio às recentes tentativas do gigante asiático de diversificar suas fontes da matéria-prima da siderurgia em meio a um aumento na demanda doméstica. A informação é do portal Notícias da Mineração, que não adiantou se haverá a construção de uma ramal ferroviário para ligação do porto à Estrada de Ferro Carajás.

Avança, Maranhão - O desembargador do TJMA Ricardo Duailibe foi nomeado a membro do Conselho Fiscal da Associação Nacional de Desembargadores (ANDES). A nomeação foi feita pelo presidente da ANDES, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), Marcelo Buhatem, em face a renúncia do desembargador Antonio Fernando Araújo Martins, para o período coincidente ao de toda a Diretoria. Em ofício enviado ao desembargador Ricardo Duailibe, o presidente da entidade classista desejou as boas-vindas. “Seja muito bem-vindo, colhendo o ensejo para renovar votos de estima e elevada consideração”, escreveu.

Nenhum comentário: