12 de ago. de 2020

Empresários e profissionais autônomos do setor saúde ganham uma linha de crédito do Banco do Nordeste

GIRO ECONÔMICO
 

Uma nova linha de crédito, voltada para o setor de saúde, foi anunciada pelo Banco do Nordeste com a criação do FNE Saúde, que tem como objetivo financiar projetos de investimento para a implantação, expansão e modernização da estrutura física de empresas do segmento da saúde humana. 

O novo produto conta com apoio da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) deve impulsionar o aumento da produção de itens e equipamentos vinculados ao setor, assim como ampliar a capacidade instalada de atendimento em toda sua área de atuação, agregando melhoria na qualidade da prestação de serviços à sociedade. A nova linha de crédito tem como público-alvo prestadores de serviços de saúde, inclusive aquelas de natureza filantrópica e sem fins lucrativos.

Entre os itens financiáveis estão obras civis, máquinas e equipamentos, softwares, móveis e utensílios, veículos automotores, aquisição de unidades industriais, aeronaves para o transporte de enfermos, insumos, peças, componentes e produtos críticos para saúde, estudos e projetos de engenharia, treinamento, consultorias, serviços técnicos especializados e capital de giro associado. 

Conquista do Maranhão - Uma manifestação do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Bruno Dantas a favor da construção pela Vale de um ramal ferroviário de Balsas a Estreito, como compensação pela renovação da concessão da Estrada de Ferro Carajás foi comemorada pelo presidente da Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema), Edilson Baldez, que considera a obra uma conquista importante para o Matopiba. Baldez faz um apelo à bancada maranhense no Congresso para pressionar a mineradora a seguir essa orientação. 

Avança, Maranhão - A Associação Comercial do Maranhão e as federações das Indústrias (Fiema), do Comércio (Fecomércio) e da Agricultura (Faema), além do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA), lançam nesta quinta-feira (13), na sede da Fiema, o programa Avança Maranhão, voltado para desenvolver ações em benefício das micro e pequenas empresas que tiveram suas atividades afetadas pelas medidas de isolamento para conter a pandemia do novo coronavírus. A iniciativa visa a contribuir para mitigar os impactos econômicos e sociais gerados nos últimos meses. 


O advogado Daniel Blume (E), no registro com o casal de
suíços Carla De Sá Morais-Gossuin e Jean-Pol Gossuin
(tradutores para o francês), lança nesta quinta-fera (13) numa
live com transmissão para Portugal e Suíça, o livro Delações
Ventiladores pulmonares
- Mais de 2 mil ventiladores pulmonares foram consertados gratuitamente e devolvidos pelo Senai a instituições de saúde em 24 unidades federativas. No Maranhão, já foram devolvidos 11 aparelhos recuperados de Caxias e Imperatriz. A estimativa é cada equipamento possa salvar até dez vidas durante seu prazo de utilização. 

Desconto do Senac - Com o objetivo de facilitar o acesso da população aos cursos de Educação Profissional, o Senac retorna suas atividades com a oferta de programação de cursos presenciais com uma grande campanha de 50% de desconto nas matrículas. Ao todo, estão sendo ofertadas 4.525 vagas com o benefício em São Luís, Imperatriz, Caxias, Bacabal, Santa Inês, Balsas e Timon. A programação especial de retomada às aulas presenciais dos cursos com desconto de 50% será desenvolvida nos meses de agosto e setembro. 

Posse na ABIP  - O empresário Pedro Robson Holanda da Costa e a presidente do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria de São Luís (Sindipan), Francina Rosa Freitas de Andrade, que compõem a diretoria da Federação das Indústrias (Fiema), assumiram, segunda-feira (10), cargos na diretoria da Associação Brasileira da Indústria de Panificação e Confeitaria (ABIP), gestão 2020/2023. A solenidade foi por videoconferência, comandada pelo presidente da entidade, Paulo Alfonso Menegueli.

Nenhum comentário: