19 de ago. de 2020

Federação das Indústrias realiza webimar para debater com parlamentares a nova lei do gás natural

GIRO ECONÔMICO

O Conselho Temático de Assuntos Legislativos da Federação das Indústrias (Fiema) realizou segunda-feira (17) um webinar com parlamentares maranhenses que compõem a bancada federal para discutir o Projeto de Lei 6407/13, que institui um novo marco legal para o mercado do gás natural no País e deve ser votado na Câmara Federal nas próximas semanas. Para os dirigentes da entidade, a aprovação da lei representa os interesses da indústria, a competição com participação de mais empresas nesses segmentos, além da Petrobras e subsidiárias, vai resultar na diminuição do preço do gás, tanto para a indústria, quanto para o consumidor final. 

“Será um marco predominante para o desenvolvimento do país. O Gás Natural é um energético usado para produzir energia, para o transporte veicular e é essencialmente importante para as indústrias”, diz o presidente do Conselho Temático de Assuntos Legislativos da Federação, Claudio Azevedo, que abriu os trabalhos.

Para Adrianno Lorenzon, da Associação dos Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (ABRACE), o Maranhão tem um grande potencial de aproveitamento do gás natural “e precisamos que o PL que já foi muito discutida seja aprovada e garanta a segurança jurídica e a abertura de mercado para liberdade de escolha”. 

Julgamento de animais - Sai nesta quinta-feira (20) o resultado do julgamento de animais da Expogenética, evento da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), que esta ano, por questões ligadas à pandemia de coronavírus, está sendo realizada em caráter remoto. Do Maranhão, apenas uma empresa, a Agronicolau participa da exposição, podendo o seu estande ser visitado no endereço www.expogenetica360.org.br. Esta é a segunda participação da empresa, que esteve presente no evento também em 2015. 

Inauguração do Senac - O diretor regional do Serviço Nacional da Aprendizagem Comercial (Senac) no Maranhão, Ahirton Lopes, recebeu, segunda-feira (17), em almoço no Restaurante Escola do Senac, em São Luís, o prefeito do município de Pinheiro, Luciano Genésio, e sua esposa, a deputada estadual Thaiza Hortegal. No encontro, debateram a inauguração, em setembro, do Centro de Educação Profissional do Senac em Pinheiro com ampla programação de cursos comerciais para toda a região da Baixada Maranhense. 

No almoço do Restaurante Senac em que debateram
a inauguração do Centro de Educação Profissional
de Pinheiro, o diretor do Senac, Ahiryon Lopes (E) com
o prefeito Luciano Genésio e a deputado Thaysa Hortegal
Ponte de Alto Parnaíba
- Avançam de forma acelerada os serviços de construção da ponte sobre o rio Parnaíba, na ligação entre as cidades de Alto Parnaíba, no Maranhão, e Santa Filomena, no Piauí. Iniciada em março, a obra deverá estar concluída e inaugurada em dezembro. 

Lives de Muniz - O advogado Sérgio Muniz criou live Terça Livre, realizada todas às terças-feiras, com debates sobre temas de interesse sociais fora do discurso tecnicista. Já foram entrevistados Ricardo Diniz (vereador), José Cláudio Pavão Santana (advogado), Hildo Rocha (deputado federal), Maurício Itapary (superintendente do Iphan), Edson Lobão Filho (empresário), Albérico Filho (Prefeito de Barreirinhas), Diogo Alcobaça (especialista em Marketing Digital), Edilázio Júnior (deputado federal), Marcello Minard (jornalista político), Joaquim Haickel (cineasta e empresário) e José Assub Neto (pecuarista). 

Fugindo dos Correios - Com a greve dos trabalhadores dos Correios, algumas empresas recorreram a outras prestadores de serviços para entrega de suas encomendas, como é o caso da Suprevida, uma plataforma de venda de produtos voltados a saúde, que deslocou todas as entregas para outras transportadoras. A empresa comercializa, principalmente, itens de cuidados com a saúde que são difíceis de encontrar e direcionado a pessoas acamadas, ou seja, são entregas de itens em todo o país que não podem parar por se tratar de manutenção da vida. (www.suprevida.com.br)

Nenhum comentário: