24 de dez. de 2020

"Barrigada" da revista Istoé irrita presidente Bolsonaro, que teve parente distante apresentada como ex-esposa

Uma "barrigada" (expressão usada no meio jornalístico para definir uma mentira) da revista Istoé provocou a ira do presidente Jair Bolsonaro nesta véspera de Natal. Ao noticiar a expulsão da deputada estadual por São Paulo Valéria Bolsonaro do PSL, sob acusação de infidelidade partidária, a revista identificou uma parente distante como sendo ex-esposa, o que fez o presidente ir para as redes sociais dizer que trata-se de uma retaliação por haver cortado verbas publicitárias bilionárias para veículos de comunicação.

"A Revista IstoÉ inventou uma EX-MULHER para mim. Não se cansam de mentir, desinformar, fofocar, espalhar o ódio... Não adianta, não terão mais bilhões do contribuinte para propaganda oficial do Governo. Querem me derrubar para voltarem a mamar nos cofres públicos", escreveu Bolsonaro em suas contas no Twitter e Facebook.


Valeria Muller Ramos Bolsonaro, mais conhecida como Valéria Bolsonaro, é professora e política. Atualmente exerce o cargo de deputada estadual pelo estado de São Paulo, eleita em 2018 com 54.519 votos. 

Após a postagem do presidente, a revista se retratou e postou a mesma foto com o título "Parente distante do presidente, Valéria Bolsonaro é expulsa do PSL", e uma explicação: 

"Versão anterior desta reportagem afirmava que Valeria Bolsonaro era ex-esposa do presidente Jair Bolsonaro. Ela é na verdade uma parente do presidente".


Nenhum comentário: