6 de mar. de 2021

Merck vai apanhar, e muito, dos "especialistas" por indicar a descoberta de um antiviral que pode curar coronavírus

Como ninguém - nem mesmo médicos e cientistas - pode apontar alguma alternativa em medicamento para tratamento de coronavírus, pois a única receita admissível é "fique em casa", a farmacêutica Merck que se prepare para apanhar dos especialistas no notíciário da "grande" imprensa, depois desta notícia publicada no
Viva Bem do UOL:


"A farmacêutica norte-americana Merck anunciou hoje que dados preliminares apontaram que o medicamento antiviral experimental molnupiravir reduz mais rapidamente infecções provocadas pelo novo coronavírus quando administrado na fase inicial da covid-19. 


O remédio está sendo desenvolvendo em parceria com a Ridgeback Bio e atualmente se encontra na fase 2 de estudos, que deve ser concluída em maio deste ano. Ainda não há previsão de quando o medicamento, se aprovado, poderá ser disponibilizado".


Nenhum comentário: