10 de mar. de 2021

Quase 60% dos brasileiros são contra a decisão de Edson Fachin anular as condenações do ex-presidente Lula

A revista Veja divulgou nesta quarta-feira (10) pesquisa do Instituto Paraná, segundo a qual a maioria dos brasileiros não aprova a decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, de anular a ficha criminal do ex-presidente Lula. Segunda-feira (08), Fachin invalidou as condenações do petista por corrupção e devolveu Lula ao jogo político, podendo se candidatar já em 2022, quando haverá eleição para presidente, governadores, senadores e deputados (federais e estaduais).

De acordo com a pesquisa, 57,5% dos entrevistados disseram discordar da decisão de Fachin, 37,1% responderam que concordam com a decisão do ministro do STF. Outros 5,4 não opinaram

O instituto ouviu 2.215 brasileiros de todas as 27 unidades da federação. O grau de confiança é de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,0% para os resultados gerais.

Nenhum comentário: